Mulher: Força, Inspiração e Agente da Mudança no Mundo Corporativo*

Atualmente, fala-se muito sobre a equidade de gêneros no ambiente de trabalho e vivemos um momento desafiador em que as transformações acontecem em velocidade muito rápida. Entre as mudanças no setor da saúde, por exemplo, podemos destacar a ênfase no paciente e a utilização de medicina personalizada, Big Data e Inteligência Artificial como ferramentas responsáveis pela promoção do cuidado e da saúde.

O momento é único e exige constante atualização de todos. Por isso, é necessário ter maior capacitação, estar atento aos fatos que ocorrem no mundo e perceber de que maneira eles podem afetar nossos negócios ou nossas vidas, nos preparando de forma proativa para qualquer tipo de impacto.

Neste contexto, a capacidade de diversificação e adaptação da mulher  é bastante importante, pois a possibilita conciliar a vida profissional e pessoal, de modo a trazer resultados em seu ambiente de negócio e, ao mesmo tempo, dar atenção à família.

Mas isso não é uma tarefa fácil. É necessário estabelecer prioridades, planejar, executar, , gerenciar o tempo de modo a estar preparada para possíveis imprevistos, saber trabalhar em equipe, saber quando dizer sim ou não e colocar paixão e energia em tudo que faz., sem esquecer da importância de manter sua rede de contatos sempre atualizada, cultivando as relações profissionais e pessoais.

Assim, nos tempos atuais, ser mulher significa se reinventar a todo o momento. É  saber promover um ambiente de trabalho colaborativo, no qual as pessoas se sintam valorizadas,  é ter a competência de enxergar o contexto como um todo e de forma imparcial.

Ser mulher é ter a coragem para ser a agente de mudança capaz de inspirar quem está a sua volta.

 

*Lilian Garcia Orofino – Gerente Sênior de Assuntos Governamentais da Boston Scientific Brasil e Fellow CBEXs