Conselho de Administração

O Conselho de Administração CBEXs é composto por oito membros, designados entre Conselheiro Presidente, Conselheiro Vice-Presidente e Conselheiro sem designação específica, com mandato unificado de dois anos, considerando-se cada ano como o período compreendido entre duas Assembleias Gerais Ordinárias, sendo permitida a reeleição. O Conselho de Administração é nosso órgão de deliberação colegiada, responsável pelo estabelecimento de nossas políticas e diretrizes gerais de negócio, incluindo sua estratégia de longo prazo, o controle e a fiscalização do nosso desempenho. É responsável também, dentre outras atribuições, pela supervisão da gestão dos nossos Diretores.

Curriculum

Francisco Balestrin (Presidente)

Presidente do Conselho de Administração da ANAHP – Associação Nacional de Hospitais Privados.
Membro do Conselho e Presidente Eleito da Associação Mundial de Hospitais (IHF International Hospital Federation).
Vice-Presidente Executivo e Diretor Médico Corporativo do Grupo VITA.
Membro do Conselho de Administração do Instituto Coalizão Saúde – ICOS.
Presidente do Conselho de Administração do Colégio Brasileiro de Executivos da Saúde – CBEXs.
Coordenador Adjunto do Comitê da Cadeia Produtiva da Bioindústria – BIOBRASIL da FIESP.
Graduado em medicina. Residência médica em Administração em Saúde no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP. Especialista em Saúde Pública pela Faculdade de Saúde Pública da USP.
Especialista em Administração Hospitalar pelo PROAHSA, da Escola de Administração de Empresas da Fundação Getúlio Vargas (FGV). MBA em Gestão de Planos de Saúde. Título de especialista em Administração em Saúde pela Associação Médica Brasileira – AMB.

Rubens Covello (Vice-Presidente)

Médico há mais de 20 anos, trabalha pela evolução dos serviços da Saúde no Brasil, a partir da construção de uma mentalidade baseada na qualidade da assistência e na segurança do paciente. Com esse propósito, ajudou a desenvolver o conceito da acreditação no País, posicionando o IQG como primeira instituição brasileira acreditada pela ISQua (International Society of Qualify in Health Care) e também a primeira Instituição IHI Open School (EUA).

O seu envolvimento com a gestão hospitalar começou cedo, logo após concluir a graduação em Medicina, quando o assunto ainda era de domínio de poucos. Na Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado (FECAP), onde se especializou em Administração de Empresas, teve os primeiros contatos com gestão da qualidade, algo muito novo para o mercado de saúde até então.

Membro do setor saúde no Conselho Mundial da Qualidade, membro do Comitê Técnico da Organização Nacional de Acreditação (ONA) e do Advisory Comittee da Accreditation Canada International.

Fundador do Colégio Brasileiro de Executivos de Saúde (CBEXs), no qual atua como vice-presidente.

Membro do Conselho de Acreditação da ISQua.

Daniel Coudry

DANIEL COUDRY – Diretor Executivo Rede Nacional

Médico com residência em Patologia pela UNICAMP. MBA em gestão em saúde pela Johns Hopkins University

Na Amil há 9 meses, é o responsável pela gestão toda a rede assistencial credenciadas, com mais de 20 mil prestadores; comanda uma equipe com cerca de 500 funcionários.
 
Ocupou o cargo de CEO da Sanitas Brasil por 2 anos; operadora colombiana de planos de saúde de origem espanhola, com 500 mil usuários e 1200 funcionários.


Diretor Executivo da ANAHP (Associação Nacional de Hospitais Privados) por 3 anos; principal entidade de hospitais no Brasil, com mais de 80 dos principais hospitais privados do país.

José Henrique Germann

Nascido em São José do Rio Preto, Mestre e Doutor em Administração Hospitalar e Sistemas de Saúde e Médico graduado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo;
Atualmente é Diretor Superintendente do Instituto Israelita de Consultoria e Gestão Albert Einstein, São Paulo, desde 2011;
Supervisor do Programa de Residência Médica em Administração Hospitalar e Saúde da Soc. Ben. Isr. Bras. Albert Eisnten, desde 2015.
Diretor Superintendente do Hospital Israelita Albert Einstein, São Paulo, 1996/2008;
Diretor-Adjunto Médico da Sociedade Beneficente de Senhoras Hospital Sírio Libanês, São Paulo, 1989/1995;
Assessor Médico e Vice-Superintendente do Hospital Israelita Albert Einstein, São Paulo 1979/1989;
Assistente da Presidência da Companhia de Seguros Aliança da Bahia, São Paulo, desde 1990;
Secretário-Adjunto da Secretaria da Saúde do Município de São Paulo, São Paulo, 1993;
Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, São Paulo, 1975/1976;
Residência Médica em Administração Hospitalar e Sistema de Saúde no PROAHSA, Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e Fundação Getúlio Vargas, São Paulo, 1977/1978;

Mestrado em Administração Hospitalar e de Saúde pela Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas, com o tema “Cirurgia Ambulatorial em Hospitais Privados” – São Paulo, 1985;

Doutorado em Administração Hospitalar e Sistemas de Saúde pela Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo, com o tema “Alianças Estratégicas em Hospitais Privados”, São Paulo, 2000;

Programa de Gestão Avançada em Administração e Negócios ( PGA ), pela Fundação Dom Cabral e INSEAD, em Fontainebleau - França, 2007;

Programa de Desenvolvimento de Conselheiros pela Fundação Dom Cabral, Belo Horizonte, 2010;

Dirceu Barbano

Formado em Ciências Farmacêuticas, na modalidade Farmácia Industrial, pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas, em 1989, onde iniciou a carreira profissional como docente pelo período de 10 anos.

Em 1991, concluiu o curso de Especialização em Biofarmacognosia, na Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo – USP. Na mesma Faculdade, cursou o Mestrado em Fármacos e Medicamentos, no qual, entre 1993 e 1997, cumpriu um total de 68 créditos, tendo sido aprovado na qualificação, embora não tenha concluído o curso.

Desenvolveu inúmeras outras atividades profissionais, entre as quais se destacam o mandato de Conselheiro do Conselho Federal de Farmácia e o de diretor do Conselho Regional de Farmácia do Estado de São Paulo, no qual atuou por quatro anos, sendo um como Vice-Presidente e os outros três como Presidente, ainda na década de 1990.

Teve atuação na gestão de hospitais, primeiro como coordenador de uma equipe multiprofissional de apoio à gestão do Hospital Universitário da PUC-Campinas. Depois como Gerente Administrativo do Centro Infantil Domingos Boldrini, hospital de tratamento de doenças hematológicas e oncológicas infantis.

No início dos anos 2000 ocupou o cargo de Secretário Municipal de Saúde do município de Ibaté–SP, antes de seguir para o Ministério da Saúde, onde foi Coordenador do Programa Farmácia Popular do Brasil, antes de se tornar Diretor do Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos. Foi Secretário Substituto de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos, entre 2005 e 2006, período no qual foi o Programa Farmácia Popular do Brasil foi expandido para as farmácias privadas, mediante a criação do sistema de co-pagamento denominado “Aqui tem Farmácia Popular”.

De abril de 2006 a abril de 2007, exerceu o cargo de Secretário Municipal de Saúde em de São Carlos – SP, durante o período em que foi estabelecida a parceria entre a Universidade Federal de São Carlos e a Prefeitura Municipal, visando à instalação do Curso de Medicina, com foco na Medicina Comunitária e de Família. Durante aquela fase atuou na articulação das Universidades e Institutos de Pesquisa da região para a constituição de um centro de pesquisa, inovação e assistência à saúde que atualmente conta com investimentos do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação.

De volta ao Ministério da Saúde em maio de 2007, reassumiu o cargo de Diretor do Departamento de Assistência Farmacêutica da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos.

Em outubro de 2008 foi nomeado para exercer o cargo de Diretor da Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Em dezembro do mesmo ano foi designado para exercer o cargo de substituto do Diretor-Presidente. Por fim, em abril de 2011, foi nomeado para exercer o cargo de Diretor-Presidente da Anvisa. Em outubro de 2011 foi reconduzido ao cargo de Diretor-Presidente da agência para mais um mandato de três anos, finalizado em 12 de outubro de 2014.

A gestão foi marcada por ações voltadas à promoção da transparência, estabilidade e participação da sociedade no processo regulatório. Nesse sentido, deve-se mencionar a realização de reuniões públicas da Diretoria Colegiada, reuniões presenciais abertas à participação do público e transmitidas pela internet, bem como a maior abertura ao diálogo

Terminado o segundo mandato à frente de ANVISA, foi convidado para atuar na European Medicines Agency – EMA em Londres no Visiting Expert Program, junto ao International Affairs Office. Durante três meses estudou os critérios para aprovação de medicamentos inovadores em oncologia, a participação de representantes de pacientes na estrutura da agência e, por fim, a relação da EMA com as autoridades dos Estados Membros e com a Comissão Europeia.

É membro do Instituto Brasileiro de Governança Corporativa - IBGC, participante do Programa de Certificação de Conselheiros. Membro dos Conselhos de Administração da LIFEMED Industrial de Equipamentos e do Colégio Brasileiro de Executivos em Saúde - CBEXs. Também é membro do Conselho Consultivo da Associação Brasileira da Indústria de Alta Tecnologia de Produtos para Saúde – Abimed. É associado à Regulatory Affairs Professionals Society. É sócio da empresa B2CD Consultoria Empresarial, focada na área de estratégia, cujos principais clientes são a Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa – Interfarma, a Associação Brasileira da Indústria de Equipamentos Médicos e Odontológicos – ABIMO e o Hospital Israelita Albert Einstein.

Giovanni Guido Cerri

Professor Titular de Radiologia da FMUSP

Presidente do Conselho Diretor do InRad-HCFMUSP (Instituto de Radiologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo)

Diretor Científico da Associação Médica Brasileira

Diretor do Centro de Diagnóstico do Hospital Sírio Libanês

Membro do Conselho de Administração do Hospital Sírio-Libanês

Vice-Presidente do Instituto Coalizão Saúde

Membro do Comitê de Saúde do Conselho Nacional de Justiça

Membro do Biobrasil - Comitê da Bioindústria da FIESP

Ao longo de sua carreira foi Secretário de Saúde do Estado de São Paulo e ocupou cargos de liderança em diversas instituições, dentre elas, Faculdade de Medicina da USP (FMUSP), Instituto do Câncer do Estado de São Paulo, Hospital das Clínicas da FMUSP e FAPESP. É autor de mais de 15 livros e mais de 280 trabalhos científicos, publicados em revistas nacionais e estrangeiras. Foi agraciado com mais de 30 prêmios, dentre eles, o Prêmio LAFI de Ciências Médicas e Prêmio Jabuti de Literatura.

Ruy Baumer

Administração de Empresas (PUC ), especialização em Administração ( PDG-EXEC), Strategy and Business Innovation Program (Wharton).

Atua como executivo da área médica hospitalar onde adquiriu larga experiência, e atualmente exerce o cargo de  CEO na empresa Baumer S.A., com forte atuação no mercado nacional e internacional.  

Diretor Eleito da FIESP Diretor do ComSaúde e C-Bio – Comitê da Cadeia Produtiva da Saúde e da Biotecnologia da Fiesp.

Presidente do Sinaemo – Sindicato da Industria de Equipamento Odonto-MedicoHospitalar Diretor da Abimo – Associação Brasileira da Industria Medico Odonto Hospitalar Participa dos seguintes Conselhos: Fundação Zerbini Senai-SP ICOS – Instituto Coalizão Saúde  CBExS – Colégio Brasileiro de Executivos da Saúde 

Antonio Britto

Jornalista, político e executivo brasileiro. Britto já exerceu os cargos de deputado federal, ministro da Previdência Social e governador do estado do Rio Grande do Sul e, desde maio de 2009, é presidente executivo da Interfarma - Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa.

Britto atua no mercado corporativo há mais de 10 anos. Já foi membro do conselho administrativo da Claro, CEO da Azaléia e membro do conselho da Braskem.

Diretoria Executiva

A Diretoria Executiva tem sob sua liderança e orientação uma estrutura de Administração Geral que coordena e executa as diversas atividades, por meio de uma metodologia matricial para o apoio aos Programas, Grupos de Trabalho, Produtos e Serviços.

Cláudia Scarpim (Diretora Executiva)

Graduada em direito e administração de empresas, Claudia Scarpim é especialista em gestão, compliance e outras áreas estratégicas da saúde.

Claudia Scarpim foi diretora executiva no Instituto Ética Saúde, entidade que congrega os principais atores da cadeia produtiva da saúde num modelo inovador e pioneiro de autoregulação do mercado, pautado pela ética e integridade para prevenir e controlar todas as formas de corrupção.

Dirige também o Colégio Brasileiro de Executivos da Saúde - CBEXS, entidade sem fins lucrativos dedicada à promoção da excelência na gestão da saúde por meio da capacitação e preparação de executivos da saúde, disseminando e inserindo boas práticas de gestão no dia-a-dia das instituições público e privadas do Brasil.

Atualmente, é Diretora Executiva de Relações Institucionais da ABIMED e palestrante regular em eventos nacionais e internacionais.